O envio acidental de uma mensagem para o destinatário errado pode ser, na melhor das hipóteses, um evento engraçado e, na pior das hipóteses, levar a uma ruptura completa nas relações ou a consequências ainda mais sérias. No entanto, algumas pessoas podem abusar desses recursos, portanto, nas versões beta do iOS 16 beta 4, iPadOS 16 e macOS Ventura, as regras para excluir e editar iMessages já enviadas no aplicativo Mensagens foram reforçadas.

Fonte da imagem: Jhon Paul Dela Cruz/unsplash.com

De acordo com o portal 9to5mac, o recurso beta do iOS 16 evitará pelo menos momentos embaraçosos após os quais você terá que dar desculpas, dizendo “Desculpe, isso não é para você”.

Sabe-se que a função funciona corretamente apenas nos casos em que o destinatário também está usando a versão mais recente do sistema operacional da Apple – isso não é fornecido para proprietários de iPhones, iPads ou Macs mais antigos. Além disso, existem outras restrições. Em particular, apenas dois minutos são alocados para a exclusão de texto. De acordo com os testadores beta, nas versões anteriores, 15 minutos foram dados para corrigir o bug. A edição ilimitada também não é fornecida, agora você só pode fazer alterações cinco vezes.

Embora a Apple não tenha comentado sobre as mudanças, elas podem estar relacionadas a críticas de ativistas de direitos humanos – eles já enfatizaram que muito tempo para exclusão dará a um possível atacante considerar as consequências de suas mensagens e destruir o texto que indica a ofensa. Outra limitação será a incapacidade de ocultar rastros de edição – o destinatário pode ler versões anteriores de edições.

Fonte da imagem: Malte Helmhold/unsplash.com

Para cancelar o envio, basta um toque longo na mensagem enviada, após o que você pode selecionar excluir ou editar a mensagem no menu que aparece. Após o tempo permitido, os itens correspondentes desaparecem do menu.

O destinatário verá o texto finalizado com um pequeno botão “Mostrar edições”, que pode ser visualizado em ordem cronológica.

As versões finais dos sistemas operacionais mais recentes da Apple devem chegar a todas as plataformas neste outono com o lançamento de novos iPhones, iPads e Macs. Aqueles que usam as versões beta mais recentes podem experimentar o recurso agora.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.