50c558dc318160acee2d5a4d8f8ef90d-8415358
A Beeline anunciou o lançamento da zona piloto de comunicação móvel (5G) de quinta geração no território do complexo esportivo de Luzhniki: a rede foi implantada usando uma solução tecnológica inovadora.

Note-se que o projeto foi implementado com o apoio do Departamento de Tecnologia da Informação de Moscou. A plataforma Huawei está envolvida, cujas características distintivas são a facilidade e a velocidade de implantação, além de alta eficiência energética.
A Beeline já testou em Luzhniki os serviços básicos de acesso móvel de banda ultra larga usando smartphones de nova geração. Em particular, dispositivos como o Huawei Mate 20 X e o Huawei Mate X foram usados.
Durante o teste, foi possível mostrar uma taxa de transferência de dados de pico de até 2,19 Gbit / s por unidade de assinante. Diz-se que a solução tecnológica aplicada simplificará para o operador a tarefa de lançar 5G em áreas urbanas densamente construídas – diante de severas restrições no espaço disponível.

Beeline

A Beeline espera começar a vender os primeiros smartphones e roteadores comerciais para redes móveis de quinta geração até o final deste ano.
“No momento, a rede Beeline em Moscou já está 91% pronta para 5G, ou seja, pronta para a introdução de redes de quinta geração, e 100% da rede Beeline suporta NBIoT. Planejamos novos lançamentos de zonas piloto nas regiões da Rússia. Em particular, continuaremos testando novos dispositivos, cenários de usuário, tecnologias para cidades inteligentes já nos territórios 5G negligenciados ”, afirma a operadora.
.

By admin

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.