Onkyo, um conhecido fabricante japonês de equipamentos de áudio, entrou com pedido de falência. Sua dívida total é de US$ 24 milhões.De acordo com o Nikkei Asia, a empresa cita sua incapacidade de acompanhar a mudança na maneira como as pessoas ouvem música.

Fonte da imagem: Onkyo

A Onkyo foi fundada em 1946 e tornou-se uma marca popular valorizada pelos audiófilos, em grande parte graças aos receptores AV. Além disso, marcas japonesas como Onkyo, Pioneer e Sony floresceram na década de 1990 com a crescente demanda por sistemas estéreo grandes e de alta qualidade.

No entanto, o mercado começou a mudar nos anos 2000 com o advento do formato MP3, conteúdo relacionado e hardware e software, a introdução do Apple iPod (apenas recentemente descontinuado), smartphones e serviços de streaming de música. Aparelhos de som domésticos maiores começaram a cair em desuso entre os usuários que são mais a favor de barras de som compactas e soluções móveis.

No entanto, a Onkyo tentou acompanhar os tempos, lançando uma série de fones de ouvido com e sem fio. Em 2015, fez outra tentativa de fortalecer os negócios comprando a divisão de eletrônicos de consumo da Pioneer, mas não conseguiu reverter a situação.

Em janeiro de 2021, a empresa considerou a saída de ações da Bolsa de Valores de Tóquio, logo em seguida foi adquirida pela Voxx International e Sharp Corporation. Em agosto do ano passado, as ações da empresa ainda foram retiradas do mercado.

Segundo relatos, apesar da falência da própria empresa, Voxx e Sharp provavelmente continuarão usando a marca Onkyo.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.