O blogueiro nevajno1kto publicou um arquivo que supostamente contém uma versão funcional de uma versão de console não anunciada do shooter pós-apocalíptico STALKER: Shadow of Chernobyl.

Fonte da imagem: GSC Game World

De acordo com nevajno1kto, a versão para console de Shadow of Chernobyl está sendo desenvolvida em um X-Ray Engine fortemente modificado por uma equipe terceirizada sob a supervisão dos criadores do jogo original do estúdio ucraniano GSC Game World.

STALKER: Shadow of Chernobyl, adaptado para consoles, supostamente será lançado pouco (um mês) antes do lançamento de STALKER 2: Heart of Chornobyl para criar mais emoção em torno da sequência.

A porta oferece suporte para gamepad, UI e inventário atualizados, dicas de controle e “outras mudanças na jogabilidade”. Clear Sky e Call of Pripyat não estão no arquivo, mas, de acordo com nevajno1kto, eles também querem transferi-los para os consoles.

Aparentemente, a montagem de STALKER: Shadow of Chernobyl no arquivo nevajno1kto está realmente funcionando (veja a galeria de imagens acima e cinco minutos de jogo) e é controlada pelo gamepad.

Existe a possibilidade de que o vazamento não inclua a versão do console do jogo, mas apenas um mod feito por fãs (eles até esqueceram de remover o botão de saída no Windows). O layout de arquivo diferente na compilação mesclada e os diferentes números de compilação falam contra essa teoria.

O lançamento de STALKER 2: Heart of Chornobyl é esperado em 2023 no PC (Steam, EEGS, Microsoft Store), Xbox Series X e S. Foi relatado anteriormente que o GSC Game World está de fato trabalhando em outro projeto.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.