Insiders relataram que 500.000 contas da Activision foram hackeadas, mas a empresa nega isso

Fontes internas do Call of Duty disseram que mais de meio milhão de contas da Activision Blizzard poderiam ter sido hackeadas, e logins e senhas vazaram online. Players of Call of Duty, bem como projetos de outras editoras que envolvem registro, como Sekiro: Shadows Die Twice, estavam em risco.

As contas da Activision Blizzard não têm autenticação de dois fatores e, portanto, correm o risco de serem hackeadas. Muitos jogadores de Call of Duty na web relatam que não conseguem entrar em suas contas. Não há evidências de que isso seja devido a um vazamento de dados da conta.

A empresa, no entanto, nega que as contas tenham sido hackeadas: “Os relatos de que as contas do Activision Call of Duty foram hackeadas não são verdadeiras. Investigamos todos os problemas de privacidade. Como sempre, encorajamos os jogadores a tomar precauções para proteger suas contas da Activision, bem como quaisquer outras contas. Você receberá um e-mail se os detalhes da sua conta Call of Duty forem alterados. Se você não fez essas alterações, siga as instruções fornecidas. “

Seja como for, uma conta da Activision Blizzard é necessária para multijogador multiplataforma em Call of Duty: Modern Warfare e Call of Duty: Warzone, bem como outros bônus e benefícios. Eles não armazenam informações de faturamento, mas estão associados a Battle.net, Xbox Live e PlayStation Network. Isso pode permitir que hackers invadam essas contas se usarem a mesma senha.

2 thoughts on “Insiders relataram que 500.000 contas da Activision foram hackeadas, mas a empresa nega isso

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *