29 de setembro de 2020

Avalanche Notícias

Você conectado com o mundo

“Ameaça à soberania”: a Índia baniu mais 117 aplicativos de empresas chinesas, incluindo o PUBG Mobile

1 min read

A Índia tomou medidas drásticas contra os produtos digitais chineses. O governo do país proibiu 117 aplicativos móveis de empresas do Reino do Meio, incluindo jogos. Fazem parte da lista o PUBG Mobile, antes bloqueado em algumas regiões do país, Arena do Valor, Knives Out e outros.

Conforme relata o portal Game Pressure, citando um comunicado oficial à imprensa, a razão para a proibição foi a coleta não autorizada de dados pessoais de usuários e seu envio para servidores fora da Índia. As autoridades do país disseram: “Com base nestas [informações] e após receber informações confiáveis ​​de que esses aplicativos representam uma ameaça à soberania e integridade do estado, o governo do estado decidiu proibir o uso de certos jogos e serviços em dispositivos móveis e não móveis com acesso à Internet.”

Arena of Valor

Arena of Valor

Lembre-se de que esta não é a primeira onda de bloqueio de aplicativos de empresas chinesas: em junho, a Índia baniu 59 produtos digitais do Reino do Meio e, em julho, adicionou mais 47 títulos a essa lista, incluindo TikTok e o popular jogo Clash of Kings. Atualmente, 221 aplicativos estão bloqueados no país.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *