seg. fev 17th, 2020

Avalanche Notícias

Você conectado com o mundo

Como funciona o cartão de crédito adicional?

5 min. de leitura

O cartão de crédito adicional, quando usado corretamente, se torna um recurso financeiro bem interessante, pois possibilita o aumento do consumo segundo o orçamento mensal disponível.

Diante disso, ele facilita a aquisição de bens e serviços, não só pelo titular, mas também pelos dependentes que ele indicar.

No entanto, antes de solicitar esse tipo de cartão, você precisa tomar alguns cuidados, afim de evitar, principalmente, o descontrole financeiro.

Afinal de contas, se um cartão já é capaz de comprometer a renda familiar, imagine dois cartões, certo?

Além disso, você precisa compreender o que é e como funciona esse cartão adicional.

Por essa razão, abaixo você vai encontrar todas as informações importantes sobre esse assunto.

O que é?

Como o próprio nome já deixa entender, se trata de um cartão de crédito adicional disponível ao titular da conta do cartão.

Dessa maneira, ele pode fazer o pedido de um cartão extra para os seus dependentes, que pode ser um filho, pai, mãe ou até mesmo irmão.

Assim sendo, como esse cartão em mãos, o dependente poderá fazer as compras que desejar de modo independente.

Portanto, não vai precisar da autorização do titular sempre que quiser adquirir um bem ou serviço através desse cartão.

Como funciona o cartão de crédito adicional?

O funcionamento é muito simples, já que se trata de um cartão extra que o dependente vai usar sem precisar da sua autorização.

Contudo, existem alguns pontos relacionados a esse tipo de cartão que você precisa entender.

Por exemplo, o limite é compartilhado, ou seja, há o mesmo limite para ambos.

Em alguns casos é possível determinar um limite diferente para o cartão adicional, contudo esse valor será a parte do que vocês compartilharão.

Por exemplo, se você tem um cartão com limite de 2 mil e solicita um adicional com limite de 1 mil, o seu limite individual passa a ser 1 mil e o outro valor de 1 mil é compartilhado entre vocês.

Então, caso você use o limite de 2 mil totalmente, o cartão adicional fica sem limite para uso.

Da mesma forma acontece se a pessoa fizer uso dos 1 mil de maneira integral, ou seja, você não vai ter mais os 2 mil de limite.

Outro ponto importante relacionado ao funcionamento do cartão de crédito adicional é a fatura.

Caso você não saiba, esteja ciente de que elas chegarão separadas, logo haverá uma para o seu cartão e outra para o adicional.

No entanto, a responsabilidade do pagamento é totalmente do titular do cartão, uma vez que o nome na fatura estará no nome dele.

Por esse motivo, é extremamente importante que você tome cuidado antes de pedir esse tipo de cartão.

Afinal de contas, se a outra pessoa não efetuar o pagamento, você será cobrado pela dívida e terá que arcar com o débito.

Caso você não faça o pagamento, o seu nome entrará nos órgãos de proteção ao crédito.

Cuidados na hora de pedir um cartão adicional

Como foi visto, o cartão adicional ainda é de responsabilidade total do titular do cartão.

Por conta disso, é preciso que você adote alguns cuidados na hora de pedir. Veja!

Veja se o limite é suficiente

De nada adianta tentar fazer um cartão adicional de um cartão que o limite é baixo.

Ora, ambos vão acabar não usufruindo nada desse limite, já que ao ser dividido ele ficará menor ainda.

Assim sendo, avalie bem se o seu limite é realmente suficiente para ser compartilhado.

Estabeleça um limite

Como titular você tem o poder de determinar o limite do cartão adicional, ou seja, impor o valor máximo que o dependente pode gastar.       

Então, coloque na ponta do lápis um valor que você ache coerente e que seja capaz de cobrir caso ocorra algum imprevisto.

Só forneça para quem você confia

O cartão adicional pode ser feito para qualquer pessoa, seja ela parente ou não.

Por conta disso, uma dica importante é só fornecer esse cartão para quem você confia de verdade.

Isso porque, você será o responsável pelas transações da outra pessoa, logo há uma responsabilidade muito grande em caso de não pagamento.

Determine um limite verbal

É importante também estabelecer um limite verbal, informando ao seu dependente o quanto ele pode gastar.

Além disso, sempre vá comunicando o quanto ele gastou, assim ele ficará ciente e isso ajuda a não ultrapassar os limites.

Vantagens e desvantagens do cartão de crédito adicional

A grande vantagem do cartão de crédito adicional é que você pode utilizá-lo como forma de estabelecer hábitos e projetos de compras entre os seus familiares.

Além disso, quando fornecido para adolescentes, por exemplo, ele ajuda bastante no desenvolvimento da educação financeira.

Como resultado, o jovem crescerá mais consciente, o que é importante para que não se descontrole financeiramente ao longo da vida.

No mais, uma grande vantagem é os benefícios, já que a medida que a outra pessoa usa você pode acumular pontos para serem trocados em objetos e até mesmo serviços.

Entretanto, nem tudo são flores, pois existem também desvantagens no cartão de crédito adicional, a principal delas é a outra pessoa não pagar a fatura.

Aqui é válido frisar que se fala de cartão adicional para amigos ou familiares, por exemplo.

Sem contar que também há o risco das tarifas e taxas serem altas, então você vai acabar pagando mais caro nesse sentido também.

Como pedir um cartão adicional?

Você já sabe como funciona bem o cartão adicional e as vantagens e desvantagens, então caso esteja interessado em ter um é muito simples: basta entrar em contato com a administradora do seu cartão.

Sendo assim, informe do seu desejo em ter esse tipo de recurso e eles vão lhe explicar o que é necessário fazer para solicitar.

Conclusão

Como visto, o cartão de crédito adicional pode ser vantajoso em vários níveis, mas também é um recurso perigoso.

Por esse motivo, avalie bem a necessidade e caso seja preciso, faça o seu pedido junto a administradora do cartão.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *