qui. jun 4th, 2020

Avalanche Notícias

Você conectado com o mundo

Cartão bloqueado pelo banco? Conheça as razões e o que fazer!

5 min. de leitura

Lidar com o cartão bloqueado pelo banco nunca é algo agradável, pois, normalmente, você só se dar conta que isso aconteceu quando vai fazer uso dele.

Aí você imagina, todo aquele constrangimento de não conseguir pagar a sua conta porque o cartão está bloqueado. Horrível, não é mesmo?

No entanto, esteja ciente de que existem diversas razões que levam ao banco fazer isso e abaixo você vai conhecer as principais.

Além disso, você vai saber exatamente como agir caso isso aconteça, evitando então outros constrangimentos.

Data de vencimento expirou

Uma das principais razões que levam ao bloqueio do cartão é a data de vencimento que expirou.

Então, acontece que quando essa data expira, você não consegue mais fazer uso do cartão.

Logo, caso você tente passá-lo em algum estabelecimento, é bem provável que a transação não seja aprovada.

Além disso, se você for tentar fazer o saque com ele, o próprio caixa eletrônico lhe informa do vencimento.

Por esse motivo, é primordial que você esteja atento a essa data para não passar por esse tipo de situação constrangedora.

E o que fazer?

Geralmente, você não precisa se preocupar quando isso acontece, pois a própria instituição financeira faz o envio automático de outro cartão quando a data do vencimento do antigo expira.

Todavia, ainda é válido que você busque a central de atendimento para ter certeza de que o seu novo cartão já foi emitido e enviado.

Isso é ainda mais importante se você tiver mudando de endereço nos últimos anos.

Afinal de contas, o cartão novo vai ser enviado para o endereço cadastrado, logo você precisa atualizar o banco dessa mudança.

Errou a senha

O cartão bloqueado pelo banco também acontece quando você erra a senha dele várias vezes seguidas.

Isso porque, as instituições financeiras determinam uma quantidade de vezes que você pode errar a senha como medida de segurança.

Portanto, se por algum motivo você ultrapassar essa quantidade, que tende a ser 3 vezes, o seu cartão é automaticamente bloqueado.

E o que fazer?

Se o motivo do bloqueio do seu cartão for esse, o ideal é que você entre em contato com a central de atendimento.

Dessa maneira, eles vão lhe fornecer uma senha temporária e você vai precisar ir até um caixa eletrônico, por exemplo, para cadastrar uma nova senha.

Em alguns casos, é possível fazer o desbloqueio do cartão através do próprio aplicativo do banco, especialmente quando se trata de cartão de crédito digital.

Suspeita de fraude

Se você fizer uma compra em um local muito distante do que estar habituado, por exemplo, o banco pode bloquear o seu cartão por suspeita de fraude.

Afinal de contas, foi feito uma atividade suspeita, logo o ideal é não fornecer mais acesso ao cartão.

No entanto, esse caso é mais difícil de acontecer, pois a instituição entra em contato antes de fazer o bloqueio para saber se foi você mesmo que realizou a compra.

Assim sendo, essa acaba sendo uma medida mais coerente, que evita o constrangimento que você pode passar.

E o que fazer?

Nesse caso você só precisa entrar em contato com a instituição financeira pedindo para que se faça o desbloqueio.

Dessa forma, eles vão lhe informar o motivo do acontecido e rapidamente farão o desbloqueio.

É válido frisar que você pode evitar esse acontecimento, basta avisar ao banco que você vai fazer uma compra alta em determinado prazo ou que vai fazer uso do cartão em outro país, por exemplo.

Compras de baixo valor

Pode parecer incrível, mas até mesmo as compras de baixo valor podem ocasionar no cartão bloqueado pelo banco.

O motivo para isso é que fraudadores tendem a fazer compras de baixo valor em cartões de crédito como forma de saber se existe saldo.

Por esse motivo, sempre que o banco identifica esse tipo de comportamento, ele bloqueia o cartão rapidamente como forma de evitar problemas futuros.

E o que fazer?

Quando isso acontece o banco, normalmente, já entra em contato com você para saber o que estar acontecendo.

Então, se não foi você que fez essas pequenas compras, o cartão antigo é cancelado e é emitido um novo.

Isto porque, não faz sentido ativar um cartão que os fraudadores já têm os dados cadastrados.

Atraso no pagamento

É isso mesmo, o atraso no pagamento pode culminar em um cartão bloqueado pelo banco.

Contudo, isso não pode acontecer sem que você seja avisado, pois a instituição financeira tem a obrigação de lhe informar.

E o que fazer?

É importante que você entre em contato com a instituição financeira para entender se esse foi o motivo.

Caso tenha sido, questione sobre a falta de contato para informar que isso iria acontecer.

Afinal de contas, isso pode ser até mesmo motivo de processo, já que você passou por um constrangimento.

Não pagamento da fatura

Se você não pagou a fatura, o banco também pode bloquear o seu cartão até que o pagamento seja feito.

Inclusive, se você estiver inadimplente com o banco, ele poderá bloquear todas as suas linhas de crédito.

Então, caso queira pedir ter o seu cartão desbloqueado, será necessário passar por outra análise de crédito.

Isso significa que até o seu limite pode sofrer uma redução pela simples falta de pagamento.

E o que fazer?

Novamente você deve entrar em contato com a instituição financeira, demonstrando o interesse em fazer um financiamento do valor, caso não seja possível realizar o pagamento integral.

Dessa maneira, eles poderão liberar o seu limite novamente, deixando o seu cartão desbloqueado como antes.

Encerramento do seu cartão pelo titular

Se você usa um cartão adicional, sendo dependente de outra pessoa, e ela encerra o serviço, os cartões todos serão bloqueados.

Logo, você acaba não conseguindo ter acesso de maneira alguma ao limite de crédito de antes.

E o que fazer?

Nesse caso você precisa entrar em contato com o titular do cartão, pois o cartão adicional estava na responsabilidade ele.

Conclusão

Esses são alguns motivos que levam ao cartão bloqueado pelo banco e agora você já sabe o que fazer em cada situação.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *