A International Data Corporation (IDC) publicou uma nova previsão para o mercado europeu de produtos e serviços de segurança de TI: analistas acreditam que o setor continuará crescendo de forma constante, apesar da atual situação geopolítica.

Fonte da imagem: pixabay.com

Este ano, os gastos com segurança de TI na Europa podem chegar a quase US$ 47 bilhões.Se essas expectativas forem atendidas, o crescimento em relação ao ano passado será de 10,8%. Nos anos seguintes, projeta-se uma CAGR (Taxa de Crescimento Anual Composta) de 9,4%. Como resultado, em 2026, o volume da indústria será de até US$ 66 bilhões.

Note-se que no período de 2021 a 2026, vários serviços na área da segurança da informação irão apresentar o valor CAGR mais elevado – 10,2%. Este segmento também terá os custos mais elevados. O segundo lugar em termos de custos será o software, o terceiro – o hardware.

O setor bancário continuará sendo o maior consumidor de produtos e serviços de segurança de TI na Europa, gastando mais de US$ 6 bilhões este ano. Mais de US$ 5 bilhões virão de manufatura discreta e cerca de US$ 4 bilhões de serviços profissionais.

O setor de governo estadual/local será a área de gastos com segurança de TI que mais crescerá em 2022 (aumento de 12,3%). Ele será seguido pelos governos federal/central e pela indústria de transporte com crescimento de mais de 11%.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.