ccce0c4e2390e29e5fa8aa519c8ae616-6459702
A publicação americana Politico informou na quinta-feira que instalou equipamentos de vigilância, as chamadas estações-base “falsas”, no território adjacente à Casa Branca, bem como nas proximidades de outras instalações de alta segurança.

De acordo com três ex-altos funcionários conhecedores do caso, os dispositivos de rastreamento que permitem ouvir conversas em comunicações móveis já foram descobertos durante a presidência de Trump.
Como resultado da investigação conduzida pelo FBI e pela CIA, foi supostamente concluído que os serviços de inteligência de Israel estavam envolvidos na implantação de “bugs”.
Nesse sentido, o primeiro-ministro israelense Benjamin Netanyahu, em uma entrevista com jornalistas israelenses ao chegar a Sochi para negociar com o presidente russo Vladimir Putin, negou esta publicação, chamando-a de “uma fabricação completa”.
.

By admin

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.