O regulador antitruste da Itália multou a Amazon e a Apple em mais de € 200 milhões por suposto conluio

O Escritório Italiano para a Proteção da Concorrência e do Mercado (AGCM) multou as empresas americanas Amazon e Apple em mais de 200 milhões de euros por supostamente participarem de uma cooperação anticompetitiva na venda de produtos Apple e Beats.

Fonte da imagem: Amazon

A agência disse em um comunicado na terça-feira que “as cláusulas contratuais do acordo de 31 de outubro de 2018 proíbem revendedores oficiais e não oficiais de produtos Apple e Beats de usar o Amazon.it, permitindo apenas que a Amazon e algumas empresas vendam esses produtos neste mercado em de forma discriminatória. “.

O regulador italiano observou que a cláusula viola as regras da UE e, portanto, impôs multas de 68,7 milhões de euros e 134,5 milhões de euros à Amazon e à Apple, respectivamente, ordenando que as empresas levantem esta restrição e dêem aos varejistas de produtos genuínos da Apple e Beats acesso à Amazon.it numa base não discriminatória.

A Apple nega qualquer irregularidade e disse que planeja apelar da multa. “Para garantir que nossos clientes comprem produtos genuínos, trabalhamos em estreita colaboração com nossos parceiros revendedores e temos equipes dedicadas de especialistas em todo o mundo que trabalham com as autoridades policiais, alfandegárias e comerciantes para garantir que apenas produtos genuínos da Apple sejam vendidos.” – disse em uma mensagem da empresa de Cupertino.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *