Co-fundador da Bungie em cooperação com a Activision: “Senti que não deveríamos fazer isso”

owfmywe0zwnmzddlyzc4mzywmtvjogrimdrindjimzu2ntgwotyzotlinwjhowe0mtdiztjhnznimgvmmthhmg-1679068

O co-fundador e ex-CEO da Bungie, Marty O’Donnell, disse ao HiddenXperia no YouTube que a colaboração do estúdio com a Activision Blizzard era “ruim desde o início”.

O’Donnell foi uma das sete pessoas que assinaram o contrato em 2010, logo após o estúdio concluir o desenvolvimento do Halo: Reach e terminar com a Microsoft. “Desde que eu estava na liderança e no conselho de administração, quando estabelecemos uma parceria com a Activision, eu sou o culpado por isso, faço parte disso”, disse ele. “Sabíamos que isso era um risco desde o início, e acabou sendo tão ruim quanto esperávamos.”

Após nove anos e dois jogos, a Bungie e a Activision Blizzard anunciaram que a parceria será encerrada. O Destiny 2 agora está sendo desenvolvido sem um editor externo – os próprios desenvolvedores assumiram esse papel.

ytu2ywi3zjhlntnmndq1ntriztu1mde4owyyndfmy2y5yznlzdqzngi3mme5ngnhzguwzta1owi0nzrkmzm2oahalo-3-4306069

Conversando com a Eurogamer alguns meses após o término da cooperação, o diretor de comunicações da Bungie, David Dague, disse: “Acho que precisamos dissipar a ideia de que a Activision é algum tipo de proibidor que não nos deixou fazer coisas legais. “Lançamos esta franquia com a Activision, é claro, e com o tempo decidimos que tínhamos objetivos diferentes, então fomos de maneiras diferentes.

Não foram fornecidos mais detalhes sobre por que a Bungie e a Activision Blizzard seguiram caminhos separados, mas O’Donnell disse que a declaração oficial sobre a separação “amigável” após muitos anos de colaboração estava longe da verdade.

«

«”Continuei insistindo em que devemos possuir e controlar a propriedade intelectual”, disse ele. – E a Activision concordou com isso, mas todos os outros principais players nesse período não, incluindo a Microsoft, que estava muito perto de fazer uma proposta séria. Você não acredita, mas estamos quase de volta à Microsoft. “

ngjlndiwytfjotzkyty2mze5ntmwztg1zjk4mzhlnde2ngmxyje0otnlzde3yjq5zmm4nzdhyzfmythmodlhoadestiny-2-3122863

O’Donnell foi demitido da Bungie em 2014 depois de afirmar que a Activision Blizzard interveio no processo de desenvolvimento criativo de Destiny. Em 2015, ele ganhou uma ação contra o estúdio. O’Donnell entrou com uma ação contra a Bungie porque foi forçado a desistir de ações e de quaisquer direitos futuros ao lucro, o que era ilegal.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *