O Steam tornou-se um portador de vírus – os hackers os esconderam em imagens nas páginas dos usuários

Hackers desconhecidos transformaram contas Steam em portadores de malware. Os invasores esconderam os baixadores de pragas nas fotos de perfil de suas contas. A vulnerabilidade foi descoberta por um usuário do Twitter com o apelido Miltinhoc.

PortSwigger

A vulnerabilidade foi nomeada SteamHide. Conforme observado pelos analistas da G Data, o serviço de jogos se tornou, na verdade, uma plataforma para hospedar arquivos maliciosos. Esses métodos de distribuição de malware são conhecidos antes, mas ninguém jamais usou serviços de jogos como o Steam para isso.

Para espalhar vírus, os atacantes usaram memes da Internet, em particular, “Harold escondendo a dor.” Ao mesmo tempo, para ser infectado por software malicioso, não é necessário ter uma conta ou instalar o Steam – você só precisa fazer o upload de um avatar no seu PC.

Источник: Twitter

Fonte: Twitter.

Источник: Twitter

Fonte: Twitter.

Após a ativação, o programa oculto desativa todos os recursos de segurança e se copia para a pasta LOCALAPPDATA. Depois de salvar, ele é corrigido no registro do sistema. Os pesquisadores esclareceram que o malware esconde em si ferramentas que não são ativadas imediatamente, mas podem se tornar perigosas no futuro. Quantos computadores são afetados e como a vulnerabilidade pode ser eliminada não é especificado. A Valve não quis comentar a situação.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *