O Facebook está pronto para divulgar seus algoritmos aos supervisores para provar que eles são inofensivos para os usuários

O vice-presidente do Facebook, Nick Clegg, disse que a empresa está posicionada para se tornar mais aberta aos reguladores para provar que os algoritmos que usa funcionam como pretendido e não prejudicam os usuários. Entre outras coisas, isso implica que a empresa está pronta para divulgar seus algoritmos às autoridades.

Imagem: Bloomberg

O anúncio marca o próximo passo da empresa para mitigar os danos à reputação causados ​​por uma série de declarações de um ex-funcionário alegando que o Facebook há muito tempo está ciente dos danos que a rede social Instagram causa à psique dos adolescentes. Ela também acusou o gigante das mídias sociais de sempre priorizar o lucro da empresa sobre o bem-estar de seus usuários.

«Os algoritmos devem ser responsabilizados, se exigido por lei, para que as pessoas possam comparar o que dizemos que devem fazer com o que realmente acontece ”- cita a fonte das palavras do Sr. Kegg. Ele também acrescentou que o Facebook está pronto para mudar a lei dos EUA que protege as empresas de responsabilidade por conteúdo postado por usuários. Em entrevista a repórteres, foi enfatizado que o Facebook acolhe com agrado a introdução de medidas restritivas de proteção, “desde que usem os sistemas e as políticas como deveriam”.

Kegg anunciou anteriormente uma série de novos recursos em breve, incluindo um sistema que irá encorajar os adolescentes a fazerem pausas em suas interações no Instagram. A rede social também pretende isolar os adolescentes de conteúdos que podem prejudicar sua psique.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *