A Broadcom está em negociações com a VMware para adquirir o último. A VMware, lembramos, está desenvolvendo soluções para virtualização. Isso permitirá que o fabricante do chip entre no mercado para um software bastante específico, mas altamente demandado. Enquanto não há garantia de que o negócio vai acontecer. Atualmente, a VMware está avaliada em US$ 40 bilhões e supõe-se que o preço final da Broadcom será um pouco mais alto se as partes concordarem.

Fonte da imagem: VMware

A Broadcom fez várias aquisições de vários negócios de tecnologia nos últimos anos, com as empresas de software tendo precedência sobre a fabricante de chips. Em particular, em 2018, a Broadcom adquiriu a CA Technologies e, no ano seguinte, a divisão de segurança cibernética corporativa da Symantec.

Hoje, a Broadcom produz uma ampla gama de soluções, os produtos da empresa são usados ​​em praticamente qualquer dispositivo, desde o iPhone até equipamentos industriais. No entanto, as soluções de data center têm sido a principal fonte de crescimento, e a aquisição de novos desenvolvedores de software amplia as capacidades da empresa nesse mercado. A Broadcom havia negociado anteriormente uma compra de US$ 15 a 20 bilhões do SAS Institute, mas as negociações não tiveram sucesso. Além disso, não faz muito tempo, um acordo para comprar um dos concorrentes, a Qualcomm, fracassou.

Fundada em 1998, a VMware mudou de proprietário mais de uma vez. A empresa é na verdade a inventora do software para virtualização, em particular, permitindo que você execute uma série de tarefas completamente não relacionadas em um único servidor. À medida que mais serviços migram para a nuvem, ela se envolve mais nos negócios, por exemplo, firmando uma parceria próxima com a Amazon. Atualmente, os maiores investidores da VMware são Michael Dell e a empresa de private equity Silver Lake.

Fonte da imagem: WMware

A aquisição da VMware permitirá à Broadcom reduzir sua dependência da fabricação de chips. As ações de ambas as empresas caíram cerca de 18% este ano, embora não tenham caído tanto quanto muitas outras ações de semicondutores. Sabe-se que o Índice de Semicondutores da Bolsa de Valores da Filadélfia caiu este ano em 27%.

No final das negociações de sexta-feira, o valor das ações da VMware era de cerca de US$ 96 por unidade, o valor total da empresa era de cerca de US$ 40,3 bilhões.O custo da Broadcom era de US$ 222 bilhões a um preço de pouco mais de US$ 543 por ação. Fabricantes de chips como a Broadcom têm prosperado nos últimos anos graças à crescente demanda por semicondutores, mas especialistas preveem que a situação não vai durar muito tempo e o crescimento do setor logo desacelerará. Portanto, a decisão de diversificar os ativos parece sensata.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.