sáb. ago 15th, 2020

Avalanche Notícias

Você conectado com o mundo

Para o dia das forças aéreas. Pára-quedistas em videogames

13 min read

Nós, pára-quedistas,

à vontade no céu claro.

Rapazes são fáceis de escalar

Aconselhamos a intimidar:

Você não deve brincar com fogo!

Canção do filme “Leap at Dawn”, 1960

Pessoas de profissões e especialidades severas costumam inspirar figuras da cultura de massa em geral e criadores de videogames em particular. Vimos muitos jogos sobre forças especiais militares, sobre policiais corajosos, sobre pilotos temerários. Com uma certa diligência, você pode encontrar um jogo sobre um bombeiro ou um médico – ambos bastante sérios e hilariantes. E os paraquedistas apareceram em muitos jogos – em homenagem ao feriado, lembraremos do mais digno desses projetos. Eles podem ser recomendados com segurança a qualquer pessoa com um estilo de vida ativo, independentemente do número de saltos de paraquedas realizados.

E no dia 2 de agosto, no Dia das Forças Aéreas, celebrado desde a distante década de 1930, seria apropriado lançar qualquer um dos jogos desse material.

O jogo foi lançado em 1987 pelo gigante da indústria de jogos daqueles anos – Microprose Software. O Airborne Ranger abordou a ação no ar com uma escrupulosidade sem precedentes e sem precedentes. Selecionamos cuidadosamente o equipamento antes da partida e, ao escolher, tivemos que levar em conta as especificidades da missão – por exemplo, para destruir um bunker blindado, era necessário levar explosivos. As missões são apenas para tipos especiais de tropas: realizamos sabotagem e esquerda e direita, roubamos documentos e contaminamos o sistema de defesa aérea inimigo. Ao pousar com um para-quedas, poderíamos ser levados quase para qualquer ponto do mapa, e a operação começou retirando nossos equipamentos de um helicóptero – tivemos que procurar exatamente onde a valiosa carga aterrissava e só então assumir o negócio principal. Nosso pára-quedista, enfim, em muitos casos, tentou evitar o contato com o inimigo, ou seja, tínhamos à nossa frente, ainda que superficiais, mas ainda elementos furtivos. E isso foi em 1987, quando a maioria dos jogos ofereceu diversão, saltando sobre todos os tipos de obstáculos!

Десантник в Airborne Ranger мог двигаться бегом и ползком. Небывалые опции для экшена той эпохи!

O paraquedista no Airborne Ranger foi capaz de correr e engatinhar. Opções sem precedentes para o jogo de ação daquela época!

O Airborne Ranger foi um sucesso e foi lançado em todas as plataformas atuais. E se a ação ocorreu na modernidade condicional, os videogames posteriores começaram a falar cada vez mais sobre os paraquedistas da Segunda Guerra Mundial.

Os mais detalhados nos projetos dos últimos anos, os desenvolvedores falaram sobre os pára-quedistas da Segunda Guerra Mundial em Medal of Honor: Airborne. Os desenvolvedores da Electronic Arts contaram sobre o paraquedista americano Boyd Travers: o jogador com ele visitou a Itália, França, Holanda e participou da fase final da guerra. Uma característica do atirador era o modo de pouso de para-quedas: saltamos do avião e descemos para o campo de batalha, controlando as linhas e escolhendo um local para um pouso suave. O Unreal Engine 3 desenhou um bom local aberto abaixo e, com uma certa destreza, poderíamos pousar até na parte traseira das baterias antiaéreas, mesmo no telhado de um prédio residencial. E, embora durante o desenvolvimento de Medal of Honor: Airborne, o chip de paraquedas tenha sido apresentado como quase a principal vantagem do projeto, não houve revolução no gênero. Bom, interessante, mas não mais …

Десантник в Medal of Honor: Airborne нередко прыгал в самое пекло боя

O paraquedista em Medal of Honor: Airborne muitas vezes pulou no calor da batalha

Muitos críticos chutaram Medal of Honor: Airborne por esperanças não cumpridas, chamando de “média”. Mas o outono de 2007 acabou sendo ruim para os fãs de atiradores, e logo os mesmos críticos escreveram algo como “mais desses camponeses médios”.

Quando, em 2003, o primeiro Call of Duty rugiu ensurdecedoramente, duas das três campanhas para um jogador foram dedicadas ao ataque aéreo. Jogamos pelo Exército dos EUA em nome do soldado Martin do 506º Regimento de Paraquedas. Martin e seu pelotão foram jogados na retaguarda alemã. Os pára-quedistas espalhados pela área conseguiram reagrupar e aterrorizar com sucesso os artilheiros antiaéreos nazistas e realizar muitos outros feitos. O sargento Evans levou o rap aos britânicos. A divisão aérea de Evans desembarcou nas profundezas do território inimigo, e um sargento com destacamento de combatentes teve que recapturar e manter uma ponte de importância estratégica. A batalha acabou sendo quente: os paraquedistas usaram a artilharia capturada e, quando a trilha sonora orquestral de Michael Giacchino foi tocada em um momento decisivo, os jogadores receberam uma avalanche de emoções – um clímax digno! Bem, o sargento Evans após esta batalha acabou nas fileiras do SAS, as Forças Especiais do Exército Britânico.

В первой CoD уже появился капитан Прайс. И служил он в британском десанте

O Capitão Price já apareceu no primeiro CoD. E ele serviu no desembarque britânico

Os soldados da 101ª Divisão Aerotransportada do Exército dos EUA operam em três partes da série Brothers in Arms. Tudo começa com a história do jovem paraquedista Matt Baker. Em Brothers in Arms: Road to Hill 30, o sargento Baker salta de paraquedas na Normandia Ocupada, e o início do jogo repete efetivamente uma cena semelhante da série de TV de Steven Spielberg, Band of Brothers. Os aviões de pouso caem sob fogo antiaéreo pesado, e literalmente caímos do carro em chamas para voar por chamas e balas, perder equipamentos e pousar em um local desconhecido, sem apoio e armas. Na sequência, tocamos para Joe “Red” Hartsock da mesma divisão e, na terceira parte, Baker voltou a participar da operação holandesa (1944) – a maior e mais malsucedida operação de assalto aéreo na época da Segunda Guerra Mundial. A série ganhou popularidade considerável, com jogadores e críticos apreciando o trabalho do personagem e os elementos táticos.

Братья по оружию. Воздушный десант образца 1944 года

Irmãos de armas. 1944 assalto aéreo

 

Não é segredo que os desenvolvedores de jogos são pessoas com uma imaginação inquieta; na história real, às vezes eles se sentem apertados. E, em seguida, igrodely recorrer às vastas extensões de fantasia. E havia um lugar para paraquedistas em videogames fantásticos.

Em 2009, o shooter Halo 3: ODST foi lançado, um ramo inesperado dos Troopers de Choque Orbital (ODST significa Tropa de Choque Orbital). Essas tropas foram retiradas da órbita baixa em cápsulas únicas. Jogamos como um lutador apelidado de Newbie, que vagou pela metrópole do futuro na tentativa de encontrar seus colegas (ou o que restava deles). Os usuários gostaram do jogo; Halo 3: ODST foi elogiado por sua nova abordagem ao script e uma atmosfera mais sombria quando comparado aos jogos sobre as façanhas do Master Chief. E talvez a principal vantagem do jogo tenha sido o contraste tangível entre os paraquedistas orbitais e os espartanos milagrosos da série principal de Halo. A força de desembarque não possuía a sofisticada armadura de Mjolnir e confiava principalmente em habilidades pessoais e coragem. Era mais difícil de jogar e geralmente mais interessante.

Десантники из ODST оснащены круто, но Мастер Чиф все равно круче

As tropas da ODST estão bem equipadas, mas o Master Chief ainda é mais frio

Em 2006, a equipe Rebellion Developments (incluindo Aliens vs. Predator 2010 e a série Sniper Elite) desenvolveu o jogo de ação em terceira pessoa Rogue Trooper. A história era sobre paraquedistas geneticamente melhorados: eles cresceram e aprenderam rapidamente, podiam respirar o ar terrestre, que em um futuro distante se tornou venenoso após longas guerras. Os lutadores mostraram-se bastante medrosos, com pele azul e olhos brancos sem pupilas. Mas eles mostraram todas as qualidades de um bom paraquedista neste jogo muitas vezes. Depois de ser retirado dos navios transportadores pendurados na estratosfera, o esquadrão de Rogue, o personagem principal, foi emboscado devido à traição. E agora Rogue se vingará e concluirá uma tarefa tática ao mesmo tempo. O jogo tornou-se a base para os quadrinhos populares ingleses da série 2000 AD – foi aqui que, para referência, veio o sombrio juiz Dredd. Portanto, a elaboração da comitiva e seus elementos no Rogue Trooper foi muito boa. O paraquedista cortou os inimigos com granadas magnéticas e microminos, derrubou-os em combate corpo a corpo, retirando as válvulas respiratórias de máscaras de gás e brutalmente os enganou com isca holográfica. Há alguns anos, o jogo recebeu uma remasterização, e rumores sobre a segunda parte vêm flutuando há vários anos.

Противник высаживает свой десант против нашего. Шансы у него невелики

O inimigo está pousando suas tropas contra as nossas. Suas chances são pequenas

 

De acordo com desenvolvedores americanos da equipe TimeGate Studios, a guerra do futuro distante também não estará completa sem o pouso. No entanto, os pára-quedas serão substituídos por exoesqueletos, o que é claramente mostrado na seção 8 do atirador (2009). Os pára-quedistas são largados de uma grande altura, de um espaço sem ar, e o jogador na visão em primeira pessoa escolhe um ponto de aterrissagem em um mapa realmente grande. E a Seção 8 é a gíria militar americana para soldados inadequados; é assim que a unidade de paraquedista é chamada no jogo. Como você provavelmente já entendeu, trata-se de uma coragem imprudente, e não do hábito de correr nu pelas ruas da cidade.

Десантники Section 8 больше похожи на боевых роботов

Os pára-quedistas da seção 8 são mais como robôs de combate

O clássico de ficção científica Robert Heinlein publicou seu romance Starship Troopers em 1959. Em 1997, o clássico do cinema, o diretor Paul Verhoeven, que ganhou um monumento durante sua vida pelo primeiro “Robocop” e por “Total Recall” com o jovem Arnie, chegou ao romance. A adaptação do filme foi muito diferente do livro: Verhoeven mostrou batalhas espetaculares, os costumes da sociedade e o poder da propaganda. Mas a própria essência da aterrissagem no cinema mudou muito – se o escritor falasse em detalhes sobre roupas de combate automatizadas, na tela víamos praticamente uma aterrissagem na Normandia com besouros em vez de nazistas.

No entanto, foi a versão do filme que entrou no mundo dos videogames, não o livro. Não vamos lembrar do atirador indefeso Starship Troopers de 2005 neste artigo festivo. Mas a versão anterior do jogo, baseada no filme Verhoeven, merece atenção. Tropas Estelares: Terran Ascendancy foi lançado em 2000 e era uma sólida tática hardcore. Nossos pára-quedistas mergulharam em diferentes planetas esquecidos por Deus para aproximar a vitória da humanidade com ataques de precisão. O jogo era de muitas maneiras semelhante à popular série Myth: nós, com pequenas forças, resistimos a hordas de inimigos, e as especificidades de movimentos e batalhas exigiam ações cuidadosas e verificadas. No momento do lançamento, Terran Ascendancy exibia uma imagem tridimensional legal, cada lutador era uma personalidade com suas próprias características, e a jogabilidade era fascinada pela complexidade e dinâmica. A comitiva, reconhecível no filme, acrescentou atratividade. Então, se você é um fã do gênero e fica acordado à noite se preocupando com uma crise de estratégia, procure este jogo sobre um esquadrão de fuzileiros navais do espaço.

Bem, no Steam, você pode encontrar uma página até agora apenas avançando para o lançamento do jogo Starship Troopers: Terran Command. É uma estratégia que revisita o filme Starship Troopers. A julgar pelos vídeos e capturas de tela, um jogo bonito e em larga escala sobre batalhas em planetas alienígenas nos espera. Só que não comandaremos mais dezenas de paraquedistas, como na Ascendência Terráquea, mas centenas. Besouros alienígenas, no entanto, são esperados em milhares.

Жучиная армия спешит на разборки с десантом

O exército de insetos corre para o confronto com o pouso

Bem, os pára-quedistas de fantasia mais famosos do mundo dos videogames são, é claro, os fuzileiros navais do Warhammer, 40.000.

A Marinha Espacial do Imperador é reunida em legiões, e alguns poucos guerreiros servem nela. Esses pára-quedistas são aprimorados através de efeitos biológicos e químicos, e inúmeras intervenções cirúrgicas e superioridade genética artificial fazem deles máquinas de guerra reais. As qualidades morais dos fuzileiros espaciais são hipertrofiadas até o limite, como é habitual no mundo cruel da guerra eterna. Sua lealdade ao imperador não tem limites – é por isso que consideram os fuzileiros espaciais do caos, seus ex-irmãos de armas, corrompidos por forças demoníacas, como seus piores inimigos. O lema principal do Space Marine: “Queime o herege. Mate os xenos. Persiga espíritos malignos. ” Para proteger a espécie humana, eles estão prontos para varrer cidades das faces dos planetas e erradicar raças inteiras.

Os fuzileiros espaciais são lançados de paraquedas em órbita, em pelotões, sentados em cápsulas pesadas. Além disso, não há pára-quedas de frenagem ou explosões direcionais para extinguir a velocidade: a cápsula colide com a terra mortal a toda velocidade, destruindo todos os seres vivos no local da aterrissagem, e os fuzileiros espaciais em chamas com raiva justa saltam imediatamente. As armas transportadas pelo ar combinam vários barris e unidades corpo a corpo; o conjunto de canon é um parafuso pesado e uma corrente, embora existam muitas opções.

Меч и тяжелый болтер. Обычное снаряжение космодесантника

Espada e parafuso pesado. Space Marine Common Gear

Os Marines do Warhammer Space apareceram em uma variedade de jogos decentes em uma ampla variedade de gêneros. Pense em Warhammer 40.000: Chaos Gate (1998), táticas duras baseadas em turnos nas melhores tradições do então X-COM, ou no brutal xadrez temático Warhammer 40.000: Regicide. Uma série de estratégias Warhammer 40.000: Dawn of War está escrita na história do gamedev em letras douradas. E os fãs de slashers podem apreciar o Warhammer 40.000: Space Marine. Lá você pode escalar a armadura de um pára-quedista da Ordem dos Ultramyrens e cortar orcs com uma espada da terceira pessoa. Essa ação também lhe dá a oportunidade de testar pessoalmente a técnica favorita dos fuzileiros navais do espaço: subir mais alto em um foguete e depois cair no meio do inimigo com toda a sua massa geneticamente modificada.

Десантники Императора при поддержке тяжелой техники — неудержимая сила

Os fuzileiros navais do imperador, apoiados por veículos pesados ​​- força imparável

 

É fácil ver que os paraquedistas no mundo dos jogos se sentem confortáveis ​​tanto no gênero de ação quanto nas estratégias.

O primeiro – e, na opinião de muitos conhecedores do gênero, o melhor – jogo da série ucraniana de estratégias “Behind Enemy Lines” ofereceu quatro campanhas para diferentes lados do conflito. De acordo com a trama, os americanos foram representados por um destacamento de paraquedistas que lutaram contra as forças principais durante a Operação Horta acima mencionada. Toda uma brigada de alemães procura por pára-quedistas, mas os pára-quedistas fogem do cerco e dão uma boa surra aos nazistas. Poderíamos usar o uso maciço de forças de assalto na Segunda Guerra Mundial em um belo RTS com uma reivindicação da épica Ordem da Guerra – aqui os desenvolvedores bielorrussos do Wargaming.net já fizeram o melhor possível. Em Company of Heroes, do estúdio canadense Relic, criadores do mencionado Dawn of War, os pára-quedistas americanos expulsam os nazistas das cidades francesas. Os lutadores neste jogo são bons em conseguir pousar rapidamente em para-quedas em qualquer lugar do mapa; além disso, eles podem se armar com poderosos lançadores de granadas anti-tanque.

Грамотно высаженный десант меняет любое сражение в вашу пользу

Tropas desembarcadas com competência mudam qualquer batalha a seu favor

Na estratégia espacial O.R.B. Os pára-quedistas da Base de Recursos Fora do Mundo (2002, desenvolvedor Strategy First) geralmente valem seu peso em ouro. Um único guerreiro espacial pode se aproximar de uma nave estelar inimiga, abrir um buraco, liberar ar para os problemas da tripulação e capturar o tabuleiro quase intacto.

Jogos de guerra rígidos e intransigentes também raramente acontecem sem ataques aéreos. Tomemos a dilogia Panzer Corps como exemplo, a segunda parte saiu nesta primavera. Quando o número de movimentos é limitado, quando cada hexadecimal é importante, apenas essas tropas se tornam muito valiosas. Afinal, os paraquedistas podem aparecer em um local completamente inesperado para o inimigo. E se o inimigo puxou seus regimentos para uma passagem particularmente importante no rio, nada impedirá que o grupo de desembarque se enfurecesse na retaguarda do inimigo.

Muitos videogames, sem envolver diretamente os paraquedistas, de uma maneira ou de outra, se referem ao tópico de assalto aéreo. Tome pelo menos um para-quedas. Afinal, o paraquedas é um símbolo das Forças Aéreas, e se você estiver em dúvida, vá a qualquer paraquedista no parque de recreação em 2 de agosto e peça que mostrem as tatuagens nos antebraços. Você provavelmente verá um dossel de pára-quedas e linhas lá.

Многие герои игр отслужили, видимо, срочную в ВДВ

Muitos heróis dos jogos serviram, aparentemente, com urgência nas Forças Aéreas

Os truques de pára-quedas trouxeram popularidade ao Agent Rico da série Just Cause. O pára-quedas se encaixa perfeitamente nas partes posteriores de Far Cry. Sam Fisher e Snake lidam com ele habilmente. Sem treinamento de pára-quedas, os Ghosts teriam dificuldade no arquipélago de Auroa em Ghost Recon Breakpoint. Um épico e clássico do gênero FPS – o salto do avião do agente Keith Archer em No One Lives Forever: Keith pulou sem pára-quedas e conseguiu pegar a mochila salva-vidas de um dos vilões que saltaram do mesmo avião.

E no popular World of Tanks, ação de tanques, você pode sentar-se nas alavancas de um tanque de assalto aéreo. O tanque leve francês AMX ELC bis tem uma tripulação de apenas dois, é pequeno e tem um casco baixo. Na realidade, esse tanque foi construído apenas como um protótipo, mas no jogo você pode ganhar prêmios e glória.

Скорость, маневренность и компактность. Таков танк воздушного десанта

Velocidade, agilidade e compacidade. Este é o tanque de assalto aéreo

Bem, vamos supor que os desenvolvedores de jogos estejam prontos para o Dia das Forças Aéreas, e os paraquedistas não devem reclamar da falta de atenção da indústria de jogos. Parabéns a todas as tropas aéreas anteriores e atuais e desejo que joguem apenas bons videogames! Todos os leitores envolvidos no feriado, cancele a inscrição nos comentários, vamos ler com prazer!

    Deixe uma resposta

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *