O Ministério do Desenvolvimento Econômico propôs um conceito para regular as tecnologias e robótica de IA

yzq1nzdkzwq0ywqzzmzmyjhlnmi3nwe0ywrjognhndewowzjndc2ntdkmdg4zjrkzjcwzwjhowe0m2fhymmymg-1777663

O Ministério do Desenvolvimento Econômico, juntamente com o Sberbank e o centro de Skolkovo, desenvolveram um conceito de regulamentação no campo da criação, desenvolvimento e uso de inteligência artificial (IA) e tecnologias de robótica até 2024, relata a publicação Kommersant. O documento já passou por aprovação preliminar e foi enviado ao governo para consideração.

Segundo a fonte, na Rússia não existe uma estrutura legislativa especial para regulamentar o uso de IA e robôs. O conceito proposto descreve áreas em que, antes de tudo, é necessário preencher e resolver as lacunas e problemas da regulamentação legal.

O documento estabeleceu o princípio da “estimulação antes da regulamentação”. Segundo ele, as restrições devem ser introduzidas apenas se a introdução de novas tecnologias for acompanhada de riscos. Além disso, o ministério destacou a necessidade de delinear a responsabilidade por possíveis danos causados ​​pelo uso dessas tecnologias.

O Ministério do Desenvolvimento Econômico também listou “barreiras legais” que impedem a introdução de robótica e tecnologias de IA em vários campos. Em particular, as soluções exigem questões relacionadas à proteção e uso de dados pessoais. Isso requer a melhoria da estrutura legal no campo de dados, fornecendo aos desenvolvedores acesso seguro, bem como a remoção de restrições à circulação e uso desses dados.

Segundo os autores do conceito, uma das soluções possíveis pode ser o desenvolvimento de instrumentos de seguro, com a ajuda da qual será possível compensar os danos causados. Além disso, será necessário criar padrões para a auto-identificação do sistema de IA em interação direta com seres humanos.

No campo dos transportes, são necessárias leis para regulamentar o uso de veículos autônomos; na medicina, não existem documentos regulatórios que permitam a tomada de decisão total ou parcial usando as tecnologias de IA e robótica; o desenvolvimento tecnológico dos serviços públicos é dificultado pelo fato de que decisões não podem ser tomadas com base na IA. No setor financeiro, é necessária a implementação de regimes experimentais e, no setor industrial, a criação de campos de teste para uso geral e a garantia do uso seguro de dados industriais. Além disso, mudanças na legislação exigem aspectos que regulam a criação e o desenvolvimento de sistemas de cidades inteligentes, bem como de astronáutica privada.

Segundo Kommersant, nos próximos três meses, ministérios e departamentos, incluindo Roscosmos, apresentarão suas propostas ao governo sobre a implementação do conceito proposto nos projetos do programa nacional “Economia Digital”.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *