Elon Musk recentemente comparou as novas instalações da Tesla em Berlim e Texas a “fornos gigantes para queimar dinheiro”, então a decisão da empresa de aumentar os gastos de capital este ano em uma média de US$ 1 bilhão não é surpresa. Os últimos relatórios da Tesla também mostram que a empresa perdeu US$ 170 milhões em criptomoedas em seis meses, mas ainda possui US$ 222 milhões em ativos digitais.

Fonte da imagem: Tesla

Como foi revelado recentemente, a Tesla vendeu 75% de seus bitcoins por US$ 936 milhões, obtendo um lucro de US$ 64 milhões. Em geral, no primeiro semestre do ano, conforme informações da Tesla, a empresa perdeu pelo menos US$ 170 milhões em flutuações nas taxas de criptomoedas. De acordo com a mesma fonte, em 30 de junho, a empresa tinha ativos digitais no valor de US$ 222 milhões.

Segundo a Reuters, a Tesla notificou os reguladores de que pretende aumentar seus gastos de capital este ano em US$ 1 bilhão em relação à faixa anterior de US$ 5 bilhões a US$ 7 bilhões. Serão necessários fundos adicionais para expandir a produção de veículos elétricos e baterias de tração e, com a inflação e o aumento dos preços dos materiais, o ajuste parece razoável.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.