LG e Hyundai iniciam construção de fábrica de baterias para veículos elétricos de US $ 1,1 bilhão na Indonésia

A Indonésia possui uma das maiores reservas comprovadas de níquel do mundo, portanto, muitas empresas, incluindo a Tesla, estão demonstrando interesse neste recurso na era do transporte elétrico. A aliança coreana Hyundai Motor e LG Energy Solution conseguiu contornar os concorrentes e iniciar a construção da primeira fábrica de baterias de tração do país.

Fonte da imagem: Reuters

As autoridades locais têm muito ciúme da cooperação industrial com empresas estrangeiras e imediatamente rejeitaram os projetos que se destinavam exclusivamente à exportação de matérias-primas. Os sócios coreanos conseguiram convencer o governo indonésio de que as duas empresas teriam condições de lançar a produção de baterias de tração no país a partir de matérias-primas locais. O empreendimento com valor total de US $ 1,1 bilhão vai providenciar o fornecimento de baterias para veículos elétricos das marcas Hyundai e Kia, e no total a LGES pretende investir pelo menos US $ 9,8 bilhões na economia local.

A construção do primeiro empreendimento estará concluída em 2023 e, no primeiro semestre de 2024, começará a produzir produtos. Após atingir a capacidade projetada, o empreendimento poderá produzir anualmente baterias com capacidade agregada de 10 GWh, o que é suficiente para equipar mais de 150 mil veículos elétricos. No futuro, a produtividade da empresa pode ser aumentada em três vezes. A Hyundai montará a montagem de veículos elétricos na Indonésia e ajudará a desenvolver a infraestrutura de carregamento para eles.

O presidente da Indonésia, Joko Widodo, na cerimônia de lançamento para a construção da planta, expressou confiança de que, com uma gestão adequada, a Indonésia poderia se tornar um fornecedor líder de produtos que contêm níquel, incluindo baterias, nos próximos três ou quatro anos.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *