Enquanto muitas montadoras apostam em veículos elétricos a bateria, a Toyota segue seu próprio caminho, tentando encontrar a tecnologia ideal para o uso do combustível hidrogênio, não apenas em veículos, mas também em outras áreas. O novo protótipo de um cartucho de hidrogênio substituível é fácil e seguro de usar.

Fonte da imagem: Toyota

Embora o combustível de hidrogênio seja praticamente seguro para o meio ambiente, o gás é extremamente explosivo e isso limita seu escopo. Uma tecnologia desenvolvida em conjunto pela Toyota e sua subsidiária Woven Planet poderia mudar radicalmente a situação. A ideia principal é que os cartuchos de combustível possam ser reabastecidos em uma instalação especial, transportados para onde são necessários e depois devolvidos para reabastecimento.

O comprimento do cartucho é de apenas 40 cm, o diâmetro é de cerca de 18 cm e o peso é de cerca de 5 kg. A Toyota os chama de “energia portátil, acessível e conveniente que fornece hidrogênio para onde as pessoas vivem, trabalham e se divertem sem a necessidade de dutos” e depois trocam e recarregam rapidamente.

O escopo de tais cartuchos não se limita a máquinas – eles podem ser usados ​​em energia doméstica e outras áreas. De acordo com a empresa, o gás em um cartucho deve ser suficiente para gerar eletricidade suficiente para operar um micro-ondas típico continuamente por 3-4 horas.

Em um comunicado à imprensa, a Toyota observou que a maior parte do hidrogênio hoje vem de combustíveis fósseis, então não é verdadeiramente verde. No entanto, a empresa acredita que no futuro será possível produzi-lo com emissões mínimas de substâncias nocivas para a atmosfera.

Fonte da imagem: Toyota

A Toyota planeja realizar uma série de testes em diferentes locais. A empresa também pretende construir uma cadeia de suprimentos integrada que acelere e simplifique a produção, transporte e uso diário do hidrogênio. Até agora, a Toyota está posicionando os cartuchos como uma solução para uso pessoal ou doméstico.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.