Intel construirá laboratório de resfriamento de imersão de US$ 700 milhões

A Intel investiu US$ 700 milhões na construção de um laboratório para pesquisa e desenvolvimento de tecnologias para resfriamento por imersão (submersível) de servidores. A empresa também apresentou a primeira solução de refrigeração líquida por imersão licenciada aberta do setor, que permitirá que os proprietários de data centers (DPC) implementem a refrigeração por imersão sem a necessidade de investir em soluções personalizadas caras.

Fonte da imagem: Submer

O novo laboratório da empresa com área total de 18,58 mil m2 ficará localizado no campus de Hillsborough, próximo a Portland, EUA. Está planejado desenvolver, validar e testar novas tecnologias de resfriamento por imersão para sistemas baseados em Xeon, Optane, Agilex FPGA, aceleradores Habana e outros produtos Intel que estão em desenvolvimento ou já foram lançados no mercado. A construção da unidade começou hoje. O comissionamento está previsto para 2023.

Fonte da imagem: Intel

Até 40% do consumo de energia do data center por ano é gasto na refrigeração do servidor. Ao mesmo tempo, o próprio equipamento de computação no data center consome muita eletricidade. Por exemplo, os processadores escaláveis ​​Intel Xeon modernos têm um TDP máximo de cerca de 270 watts. Os aceleradores modernos de computação de IA de alto desempenho, por sua vez, consomem até 700 watts por chip. Dado que um servidor baseado em tais soluções pode gerar um total de cerca de 6.000 W de calor, os sistemas tradicionais de refrigeração a ar e líquido estão perdendo seu apelo em termos de custos de energia e eficiência.

O resfriamento a líquido por imersão é mais eficaz nesse quesito, segundo a Intel, porque permite não apenas uma melhor transferência de calor, mas também o utiliza, por exemplo, para sistemas de aquecimento de instalações residenciais e de infraestrutura. Além disso, o resfriamento líquido por imersão permite tornar os nós de computação mais compactos e, ao mesmo tempo, aumentar a densidade dos sistemas de computação.

Para tornar os sistemas de refrigeração por imersão mais acessíveis aos consumidores interessados, a Intel tem trabalhado ativamente com vários especialistas nessa tecnologia no ano passado.

avalanche

Postagens recentes

NASA apoia o desenvolvimento de um enxame de microbots flutuantes para explorar o oceano na lua de Júpiter Europa

Especialistas da NASA aprovaram a continuação do trabalho no projeto SWIM, segundo o qual está…

14 horas atrás

O trimestre atual será o pior para o bitcoin na história, mas os analistas continuam otimistas

Parece que o trimestre atual será o pior para quem investiu em bitcoin em mais…

14 horas atrás

Parceiro da NVIDIA confirma que a GeForce GTX 1630 substitui a GeForce GTX 1050 Ti e é igual em desempenho

A Inno3D anunciou oficialmente que o desempenho da GeForce GTX 1630 lançada há alguns dias…

14 horas atrás

A União Europeia está desenvolvendo regras para regular criptomoedas para combater a lavagem de dinheiro

A União Europeia está trabalhando em novas regras fundamentais para a regulamentação de criptomoedas (MiCA).…

14 horas atrás

Intel lança driver de gráficos Arc 30.0.101.1743 Beta com suporte a placas gráficas móveis Arc A770M e A550M e novos jogos

A Intel lançou o Arc Graphics Driver 30.0.101.1743 Beta. Inclui suporte para placas gráficas móveis…

14 horas atrás