Garmin apresentou o navegador eTrex Solar com autonomia infinita

A Garmin expandiu a família eTrex de navegadores portáteis com um novo modelo chamado eTrex Solar, que se destaca pelo suporte para carregamento solar. Isso permite que você não dependa da disponibilidade de fontes de eletricidade e confere ao dispositivo uma autonomia quase infinita.

Fonte da imagem: Garmin

Assim como os smartwatches Garmin Instinct Solar e Instinct 2 Solar com suporte para GPS, o eTrex Solar pode operar indefinidamente com uma única carga em tempo ensolarado. Porém, mesmo sem carregamento solar, o aparelho pode funcionar em modo autônomo por até 1.800 horas, ou seja, mais de dois meses em Modo Expedição.

O eTrex Solar possui uma tela de alto contraste de 2,2 polegadas que permite rastrear sua rota e localização. O suporte GNSS (Sistema Global de Navegação por Satélite) multibanda permite que os viajantes localizem com mais precisão sua localização usando o eTrex Solar, mesmo em terrenos desafiadores, florestas densas ou perto de penhascos onde a comunicação direta por satélite não é possível. O dispositivo também possui uma bússola digital integrada que mostra a direção exata do movimento em uma caminhada.

Os entusiastas do geocaching poderão receber atualizações automáticas de cache, incluindo descrições, registros e dicas, em seus perfis salvos ao conectar o eTrex Solar a um smartphone. O eTrex Solar é à prova d’água IPX7, o que significa que o dispositivo pode ser submerso em água até um metro de profundidade por 30 minutos sem qualquer dano. O navegador também possui um corpo durável que resiste a choques e quedas.

O eTrex Solar já está disponível no site da Garmin por US$ 249,99.

avalanche

Postagens recentes

MediaTek desenvolverá chips para a próxima geração de óculos Meta AR

No MediaTek Summit 2023, Vince Hu, CEO da MediaTek, anunciou oficialmente uma parceria com a…

5 minutos atrás

Amazon começará a vender carros – começando com Hyundai no próximo ano

A ideia de encomendar e comprar carros pela Internet desenvolveu-se durante a pandemia. Mas o…

2 horas atrás