O predomínio de tendências negativas nas demonstrações financeiras da Samsung, altamente dependentes do estado do mercado de memórias, não impediu os investidores de encontrarem motivos para otimismo. Pelo menos, o lucro operacional da empresa no último trimestre superou as expectativas dos analistas, que erraram duas vezes na previsão do grau de queda do lucro líquido.

Fonte da imagem: Samsung Electronics

Como explica a Bloomberg, os analistas esperavam, em média, que a Samsung Electronics recebesse um lucro líquido de 1,86 mil milhões de dólares no último trimestre, mas na verdade atingiu 4,1 mil milhões de dólares, embora tenha diminuído 40% em relação ao ano anterior. No último trimestre, o lucro líquido da empresa diminuiu 86%, pelo que a redução da taxa de declínio pode ser considerada um sucesso definitivo.

O lucro operacional caiu 77,6% no ano, para US$ 1,8 bilhão, mas ainda ficou acima das expectativas do mercado. Mas na comparação sequencial, o lucro operacional da empresa aumentou 262,6%. A receita total da Samsung no último trimestre aproximou-se dos 50 mil milhões de dólares, pouco abaixo das previsões dos analistas. Na comparação anual, o faturamento da empresa caiu 12,2%. A Samsung Electronics excedeu até ligeiramente as suas próprias previsões de receita e lucro operacional, anunciadas este mês.

No actual trimestre, à confiança da Samsung na melhoria da situação do mercado de memórias junta-se a estabilização da procura e a diminuição das taxas de inflação, bem como o lançamento de novos produtos pelos seus clientes, especialmente nos PC e segmento de smartphones. Além do lançamento de novos produtos, a demanda por memória neste trimestre deverá ser alimentada por sistemas de inteligência artificial.

Tendo as maiores instalações de produção do mundo, a Samsung espera ganhar dinheiro aumentando os volumes de produção de memória HBM3 e HBM3E, que agora são procuradas no segmento de sistemas de inteligência artificial. De acordo com analistas terceirizados, no trimestre atual a Samsung ainda poderá fornecer memória HBM3 para as necessidades da NVIDIA, enquanto antes disso apenas a SK Hynix tentava em vão satisfazer as necessidades desta última. A partir de meados do próximo ano, segundo algumas estimativas, a Samsung começará a fornecer aceleradores de computação de próxima geração com memória HBM3P. No quarto trimestre, espera a Samsung, os preços das memórias subirão e a demanda por elas se recuperará ainda mais rápido do que no trimestre anterior. Segundo a administração da empresa coreana, a indústria chegou ao fundo do poço e a demanda por memória começa a se recuperar no segmento de PCs e smartphones. Ao mesmo tempo, este ano teremos que reduzir ainda mais os volumes de produção de memória, mas isso se aplica em maior medida aos microcircuitos do tipo NAND. Além do HBM3, a empresa aumentará os volumes de produção de memória DDR5.

No negócio de semicondutores, a Samsung reduziu sequencialmente as perdas operacionais de US$ 3,26 bilhões para US$ 2,8 bilhões. Espera-se que o lançamento dos smartphones Apple iPhone 15 aumente significativamente a receita da Samsung no segmento de painéis para telas de dispositivos móveis.

O lucro da Samsung com a venda de dispositivos móveis aumentou para US$ 2,4 bilhões, mas comparado ao ano passado mudou pouco. Os modelos carro-chefe da série Galaxy S24 e os smartphones dobráveis ​​​​da marca foram especialmente populares. No segmento móvel, a procura deverá estabilizar no próximo ano; segundo a administração da Samsung, os volumes de oferta crescerão em percentagens de dois dígitos.

Este ano, a Samsung aumentará ligeiramente as despesas de capital, para US$ 39,7 bilhões, mas esse valor também será um recorde para a empresa. Desse total, aproximadamente US$ 35,1 bilhões serão alocados ao setor empresarial de semicondutores. Será dada prioridade ao aumento da produção de chips de memória de alta densidade, como o HBM3. No próximo ano, está previsto que a capacidade de produção principal seja aumentada em pelo menos duas vezes e meia. Os representantes da Samsung no evento de reportagem expressaram a esperança de que a NVIDIA não continue a depender do único fornecedor de memória HBM3, que continua concorrendo com a SK Hynix. Após a publicação do relatório, as ações da Samsung começaram a subir de preço, mas depois caíram 0,3%.

avalanche

Postagens recentes

A empresa britânica Threads Software Ltd exigiu que a Meta parasse de usar sua marca registrada no Reino Unido

Num novo episódio de confrontos jurídicos no setor de TI, a empresa britânica Threads Software…

3 horas atrás

A Apple apresentou a família MacBook Pro e o novo iMac nos chips da série M3: os preços começam em US$ 1.599

Há poucas horas terminou a apresentação da Apple, durante a qual foram apresentados vários novos…

4 horas atrás

Assassin’s Creed, Splinter Cell, Ghost Recon e outros: Ubisoft encerrará em breve os servidores de mais dez de seus jogos

A editora e desenvolvedora francesa Ubisoft alertou os usuários em seu site que vários de…

10 horas atrás